27 de jan de 2017

be a body


foto tirada pela imperatriz do inferno

Ando com muita dor de cabeça e entediado. Realmente não tenho vontade de fazer muita coisa quando chegam as férias, e sempre fico surpreso por isso. O que não deveria, já que é comum. Ando pensando em como sempre quero comprar algo que não posso comprar, e geralmente são coisas básicas, como uma cadeira nova pro computador, ou pra ler, quando não quero fazer isso na cama. É bem desconfortável fazer isso na cama, aliás. Minhas aulas voltam 9 de fevereiro, eu não queria voltar pra aquela turma que havia fugido no semestre passado, a verdade é que ficar em uma na qual não conheço ninguém é ainda pior. As pessoas gostam de conhecer outras pessoas. A outra, ao menos, quem não gosta de mim não fala comigo, quem gosta, fala e eu finjo que estou afim de conversar.

Minha faculdade é bem pequena, parece mais um prédio empresarial, acho que é quase isso, aliás. Os professores são bons, mas são, robóticos. Talvez seja o curso, não sei, realmente, não há nada de muito interessante. Quero comprar uma tv pequena usada, mas de qualidade, para eu poder tirar meu vídeo game da sala e por no quarto, assim posso passar mais tempo aqui dentro. Quero voltar a me exercitar por que tô me sentindo bem inerte, pelo menos antes das aulas começarem, assim posso me exercitar enquanto estudo sem perder muito o ritmo em um dos dois, por não começar ambos ao mesmo tempo.

Depois que eu fiz 20, comecei a pensar se estou fazendo a coisa certa no momento certo da minha vida. A verdade é que sinto isso em todas as idades, sinto que cresci espiritualmente de alguma forma, amadureci, um pouco, de alguma forma, mas, sabe aquilo de pensar que o externo não lhe dar possibilidades de crescer o quanto você quer? Se sentir impotente, ou, que não existe algum tipo de classificação possível pra conseguir as coisas na vida que não seja repugnante de alguma forma? O mundo não é justo, blablabla. Muito menos legal. Bom, não deixa de ser frustrante, não é mesmo? As vezes você precisa fazer algo que não quer, ou algo errado, bom, sei lá. Dor de cabeça da porra. 

Enfim, espero que estejam curtindo as férias, ou o começo das aulas. 2017 é um número muito alto, parece até que já estamos no futuro dos carros voadores. Nem o metrô daqui tá pronto direito.